Top Ad unit 728 × 90

DECORAÇÃO COM CHITA : CHIC E DESCONTRAÍDA !

                                                                                 



Hoje é usada por Estilistas e Decoradores e ja empresta sua estampa até para uma cadeira do designer-sensação Philippe Starck.

A história da chita traz um pouco da trajetória da alma brasileira. Passado, presente, trabalho, castigo, festa, criação, arte, infância, malícia e uma alegria descarada se combinam nas cores e misturas descontroladas das estampas, que vestiram escravos, camponeses, tropicalistas, personagens da literatura, teatro, novela e cinema, sem perder a inocência.    


Como estamos em clima de Festa junina pensei em postar algo que aparecesse na decoração e nada melhor que a chita para representá-la. Aqui em Recife temos vários artesãos que trabalham com a chita, que é um tecido de algodão, chamado de morim, de trama rudimentar produzido a partir de algodão de segunda linha e com estampas florais coloridas. 

[post_ad]

Particularmente achei a cara da Arquiteta e Artista Plástica Arluce Carvalho, que faz coisas maravilhosas com esse tecido! Essas fotografias abaixo são bastante conhecidas, mas poucos arquitetos ousaram a trabalhar com chita, então, mesmo sendo já vistas ... vale a pena ver de novo !


Ambiente Alegre e descontraído !
                                                       
Parede de fundo espetacular
                                                         
Terraço charmoso...
Madeira com o floral da chita o laranja de fundo também está bárbaro !
     


Como o sua própria definição, descrita no Aurélio, a chita por muito tempo foi, realmente, considerada um tecido ordinário, destinada apenas vestir as classes pobres da sociedade, e no máximo era utilizada pelas demais classes sociais emergentes, na confecção de vestidos juninos para personificar figuras caipiras. Mas hoje já não é bem assim.

[post_ad]

Apesar de toda a diversidade que temos à disposição, vivemos num constante resgate de nossas raízes, do reinventar, do achar valor nas coisas mais simples e a chita volta nos tempos atuais, não como o tecido ordinário do vestido das lavadeiras ou dos escravos, mas como parte de projetos de decoração, reiventada em objetos de design e na moda, levando com seu colorido único, simples e inconfundível, alegria e energia que fazem bem não só aos olhos, mas também à alma! 


Clima intimista e alegre. Madeira de demolição dá um toque muito especial
                   
Do lado de fora ... Fofo os jarros de madeira 


                                        
Banquinho rústico e com almofadas em Chita , legal demais a cor na parede.
  
Lindo !!!!!
                                                                       
Apesar de não ser chita e ser um tecido floral, achei alegre e a combinação de cores perfeita !




Puff em chita amarela e os jarros na parede nas mesmas cores estão muito legais, Delicado !
O conceito de chita foi introduzido no Brasil a partir de 1800, pelos europeus. O tecido que mais se aproxima da chita teve origem na Índia, na época das grandes navegações e foi aperfeiçoado pelos ingleses e, posteriormente, pelos portugueses e franceses. Após um longo processo burocrático, financeiro e cultural, a chita passou a ser produzida no Brasil.


Um passarinho me contou...
http://www.minhacasaminhacara.com.br/
http://cafecomchita.blogspot.com 






DECORAÇÃO COM CHITA : CHIC E DESCONTRAÍDA ! Reviewed by Cris Quintas on 10:25 Rating: 5
All Rights Reserved by Papo de Design © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Papo de Design. Tecnologia do Blogger.