Top Ad unit 728 × 90

NATAL BRANCO


Ana tinha milhares de confraternizações para conciliar e o peso avassalador das cobranças comprimindo o peito. Enquanto dirigia os olhos se perderam na serpente de faróis acesos. O tráfego corta a cidade que sangra lentamente. No Natal tudo fica lindo. Até os engarrafamentos.


 
O celular silencioso pisca outra vez.  Noventa e duas mensagens latejando e nenhuma vontade de abri-las. Tirou do case um CD de jazz para lhe fazer companhia nas esperas do trânsito. Instrumental. Não aguentaria a pressão de palavras escritas nem cantadas se alternando entre primeiras e segundas marchas. Escorregou um pouco o dorso no encosto do banco e seguiu o compasso vagaroso da serpente. Após exatas duas horas e dezessete minutos chegou em casa para preparar o risoto que prometeu levar a uma das festas.
 
Desceu do carro em câmera lenta. Os dedos em riste do relógio acusavam a demora e o telefone seguia insistindo com luzes e notificações. Tomou o elevador com uma serenidade pouco comum aos atrasados e abriu a porta de entrada tateando o dimmer que lhe dava meias luzes de presente nas chegadas.
Entrou na cozinha, separou ingredientes. Água e arroz selvagem dançariam em fogo brando enquanto ela tomasse banho. O vapor embaçara no espelho o rosto de Ana que embalou a pressa num roupão macio e foi descalça para a cozinha fatiar maçãs em lâminas finas. Brie, maçãs e lascas de amêndoas: crocantes promessas de suavidade e acidez.  
 

[post_ad]

 
 
Agora o visor contava cento e trinta e nove mensagens não visualizadas e seis ligações perdidas. Pôs o risoto numa porcelana Limoges e pegou a garrafa de vinho verde. Bateria em morte iminente. Apagou os interruptores. Brisa, cheiro de mar e luzes miúdas salpicavam a cidade.
Conecte o carregador. Rebelde, descumpriu tranquilamente a ordem, pegou uma taça, talheres de prata e convidou Chet Baker para lhe soprar carícias ao pé do ouvido. Quer jantar comigo, querido? O celular esmaeceu e ela deixou que ele apagasse. Acenderia velas.




MyFreeCopyright.com Registered & Protected
NATAL BRANCO Reviewed by Cris Quintas on 06:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

All Rights Reserved by Papo de Design © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Papo de Design. Tecnologia do Blogger.